Federais garantem 66 milhões para asfalto na capital

A emenda parlamentar coletiva, da bancada federal, no valor de 68,8 milhões de reais, já está “empenhada” para depósito na conta da prefeitura de Porto Velho, pelo Ministério da Inegração, recursos a serem usadas em obras de recuperação urbana no município.

O montante corresponde à metade do valor da emenda impositiva defendida pelos deputados federais e senadores da bancada rondoniense, no valor global de R$ 132 milhões. Hildon foi informado e recebeu documento relativo à emenda por parte do ministro da Integração, Helder Barbalho, em audiência com o coordenador da bancada de RO em Brsília deputado Nílton Capixaba.

Capixaba fez questão de dizer que pela primeira vez o município de Porto Velho recebeu um volume desse nível. “Nunca aconteceu isso na história de Porto Velho, de ser liberado de uma só vez mais de R$ 60 milhões, principalmente em primeiro ano de mandato. Isso é inédito e mostra o resultado de um trabalho bem articulado com a bancada federal.

Sempre que vai a Brasília Hildon tem procurado os membros da bancada,deputados e senadores, para ajudar o projeto de recuperação da capital rondoniense “e esse apoio não nos tem faltado”, testemunhou o prefeito.

O prefeito adiantou que tão logo os projetos sejam concluídos serão licitados para a execução. Da parcela de R$ 66 milhões, cerca de R$ 30 milhões serão destinados a obras de recapeamento, drenagem, pavimentação, meio-fio e sarjeta nos mais diversos bairros. Outro tanto, cerca de R$ 15 milhões serão investidos em infraestrutura com asfaltamento do bairro Igarapé e a outra parte, em torno dos R$ 20 milhões, para drenagem, pavimentação, meio-fio e sarjeta de ruas do bairro Lagoa.

PORTO VELHO

Banner 468 x 60 px